sábado, 23 de Fevereiro de 2013

from the heart

Comida simples, boa, que apetece.

Simples naco de vitela grelhado, uma bruta quantidade de feijão verde cozido al dente e um molho fantástico e cheio de sabores com azeite, mostarda, alho, un petit peu de limão, orégãos secos, sal e pimenta.




Poejos. Ideal para amainar a nostalgia da veia alentejana das meninas de cá de casa num dia de Inverno, aliando a vontade de criar com o que há no frigorífico. 
Massa com pescada, bacalhau e camarão com um molho feito da água da cozedura da massa e do peixe e com o caldo de uma cebola picada e um bom punhado de poejos picados, tudo refogado num bocadinho de azeite, triturado e emulsionado rapidamente com um ovo batido.




Almoço de hoje. Obrigada Pedro pela sugestão. Obrigada senhor do ECI por não me fazer sentir tão estranha em pedir 15g de um presunto de 175€/kg. 
Sandes de chapata com finas tiras de presunto ibérico Cinco Jotas Paleta Ibérica.
Valha-me deus, já gosto de presunto.


Tão estranho sair do trabalho e ter o Sol do fim do dia a bater-me bem forte na cara, acalmando o frio que ainda me entra pelas entranhas através pelos buracos do cachecol. Tão bom esse Sol.
Não é por nada, mas já tenho saudades da Primavera.



a ouvir: Come Together - The Beatles

Sem comentários:

Enviar um comentário